CatarCuriosidadesOriente Médio

Nem só de restrições vive o Catar — conheça algumas curiosidades sobre o país

Curiosidades sobre o Qatar

A copa do mundo mal começou no Catar e já tem causado polêmicas. Que os costumes lá são bastante diferentes, já sabemos. Mas a restrição à venda de bebidas alcoólicas nos estádios na véspera da abertura pegou muita gente de surpresa.

Pensando nisso, as pessoas têm se perguntado o que mais é diferente nesse belo país do Oriente Médio. E quem pretende visitá-lo um dia também já está de olho para se preparar.

Se você faz parte desse time, continue com a gente. Vamos contar algumas curiosidades sobre o país sede da Copa do Mundo 2022.

Principais características do Catar

O Catar (ou Qatar) faz fronteira com a Arábia Saudita e fica perto dos Emirados Árabes Unidos. Ele tem pouco mais de 11 mil km² e uma população de menos de 3 milhões de habitantes. Sim! A copa do mundo vai acontecer em um país que tem quase metade do tamanho do menor estado brasileiro.

Doha, a encantadora capital, reúne arranha-céus modernos, praias, espaços culturais como o Museu de Arte Islâmica (que abriga uma das maiores coleções de arte islâmica do mundo), pontos históricos e turísticos que permitem conhecer as tradições locais, como o mercado Souq Waqif.

Curiosidades sobre o Catar

Agora que você teve um gostinho de como é o Catar, veja algumas curiosidades sobre o país.

Idiomas usados

O árabe é a língua oficial, mas o uso do inglês é muito comum, principalmente no comércio. Um dos motivos pode ser a grande quantidade de imigrantes — 2.23 milhões, ou seja, mais de 77% da população.

Tipos de paisagens

As paisagens são bastante variadas, mas uma coisa é certa: lá é quente o ano inteiro! Há sistema de ar-condicionado até mesmo nos principais pontos turísticos ao ar livre.

No litoral, que tem águas calmas, mornas e claras, há dunas, falésias, piscinas naturais e os turistas podem desfrutar de atividades como mergulho de cilindro e passeios de barco. Para quem procura um programa diferentão, há passeios no deserto, inclusive, montando em camelos.

Código de vestimenta

No Catar, homens e mulheres devem usar roupas que cubram ombros e joelhos. Em estabelecimentos públicos, os visitantes podem ser impedidos de entrar se não respeitarem esse costume. Quem vai à praia pode usar trajes de banho ocidentais em alguns lugares específicos.

Fim de semana

Você sabia que o fim de semana deles é na sexta e no sábado? Sexta-feira é um dia sagrado no Islã, por isso, os comércios costumam fechar na parte da manhã e abrir em horários variados à tarde e à noite.

Segurança

Em 2022, o Catar ficou em 23º lugar no Global Peace Index, índice que avalia quais são os países mais seguros, pacíficos e perigosos. Para ter uma ideia, o Brasil ocupa a 130ª posição no ranking, que inclui 163 nações e territórios.

Alguns crimes e punições no Catar

Você já viu que a cultura do Catar vai muito além das polêmicas e restrições. Entretanto, os futuros visitantes precisam saber alguns exemplos do que não fazer no país:

  • ingerir bebidas alcoólicas ou aparecer embriagado em público, dizer ou fazer gestos obscenos — crimes punidos com até seis meses de prisão e multa de até 831 dólares;
  • fotografar ou filmar pessoas e locais religiosos, militares, entre outros sem autorização — pode resultar em detenção;
  • insultar ou desrespeitar de qualquer forma a religião islâmica — a punição é de até sete anos de prisão!

Depois de descobrir essas curiosidades sobre o Catar, você deve ter percebido que, conhecendo bem o país e se preparando, é possível ter experiências inesquecíveis.

Então, aproveite para compartilhar este artigo nas redes sociais para que os seus amigos também saibam disso!

Posts relacionados
ArteArte e CulturaCuriosidadesEspeciaisFestivaisHurbMúsicaTurismo

Red Hot Chilli Peppers confirmam turnê no Brasil com o novo albúm "Return of the Dream Canteen"

Curiosidades

Onda de calor intenso invade o Brasil. Saiba mais

AmazonasAmazôniaCorporativoCuriosidadesEspeciaisHurbMeio AmbienteNaturezaNotíciasSustentabilidade

JBS, Marfrig e Minerva desmatam mais de 800 milhões de árvores em 6 anos

AventuraCuriosidadesEsportes RadicaisNatureza

Nadando com a morte na piscina mais profunda do mundo