Arte e CulturaDestinos NacionaisO que fazerSão PauloSudeste

Parque Ibirapuera: o que fazer, quando ir e dicas exclusivas!

Parque Ibirapuera

Que São Paulo é considerada uma selva de pedras todo mundo sabe, mas o que a maior cidade da América Latina esconde são seus inúmeros parques misturados no mar de prédios. É possível encontrar espaços amplos e verdes da zona norte à sul da cidade, inclusive o Parque Ibirapuera que é considerado um dos principais pontos turísticos do país. 

O que fazer no Parque Ibirapuera

O Ibirapuera é a cara de São Paulo, mistura cultura, arte e arquitetura dentro de mais de 1 milhão de metros quadrados de área verde, portanto, a ideia de São Paulo ter pessoas demais por área não se aplica ao parque. Então reserve um dia para conhecer os melhores passeios que listamos abaixo.

Cachorródromo

Se a ideia é curtir o ar livre com o cachorro, ao entrar no parque, vá direto para o cachorródromo. Os cães são aceitos em toda a extensão do Ibirapuera, mas é somente no cachorródromo que é possível deixá-los livres e sem coleiras.

Volta ao lago

Caso vá sozinho ou com a família, o passeio em volta do lago é uma boa pedida, já que a vista é linda e o percurso é quase todo plano. Se a visita for em dias de semana entre as 9h às 12h e das 18h às 21h ou nos finais de semana das 9h às 12h e das 14h às 18h é possível ver a fonte do lago em funcionamento. A fonte ainda protagoniza espetáculos de luz durante épocas festivas do ano.

O passeio pode ser a pé ou de bike pela ciclovia e, nesse caso, o próprio parque possui a IbiraBike que custa em torno de R$ 10,00 a R$ 30,00 por hora, incluindo triciclo infantil e família, bicicletas convencionais e handbikes que são acessíveis às pessoas com deficiência. O aluguel é feito manualmente nas estações dos portões 4, 6, 9 e 10, com opções de pagamento em dinheiro, PIX, crédito e débito. Há outras opções de aluguéis antecipados que funcionam por aplicativos também.

Lembre-se de fazer paradas durante o passeio para apreciar o ambiente e aproveitar para fazer um piquenique embaixo das árvores em volta do lago. Caso não vá preparado para um piquenique, não se preocupe, recorra aos vários restaurantes distribuídos pelo parque.

Lago Ibirapuera

Esportes e Atividades

Além dos apreciadores da natureza, o Ibirapuera recebe muito bem os visitantes que praticam esportes. Dentro do parque há várias quadras de basquete, tênis, vôlei, campo de futebol e pistas de corrida e, para os mais aventureiros, têm slackline e skate na marquise. 

Museus e atrações do Ibirapuera

Falar sobre o Ibirapuera é falar de Niemeyer. Os prédios assinados pelo famoso arquiteto incluem o Museu de Arte Moderna de São Paulo, que abriga mais de 5 mil obras de arte contemporâneas. O museu é aberto de terça a domingo e custa R$ 25,00 com gratuidade no domingo. O mais legal é que o MAM prioriza artistas brasileiros, então tem muito da nossa cultura exposta em telas.

Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM)

Com uma caminhada de um quilômetro após o MAM, é possível conhecer mais da história africana e afro-brasileira no MAB. O Museu Afro Brasil também funciona de terça a domingo e custa R$ 15,00 a inteira e é gratuito às quartas.

Museu Afro Brasil

Ao lado do MAB se encontra o primeiro planetário do Brasil. O planetário do Ibirapuera não se destaca só pelo seu formato de cúpula e arquitetura fascinante, além da programação fixa cheia de ciência e astronomia, outras programações que agradam desde as crianças até os adultos incluem a agenda do espaço. O Planetário funciona de quinta a domingo com reserva antecipada e os valores variam conforme as sessões.

Curiosidade: através do planetário é possível ver o céu da capital paulista lá dentro sem a poluição que ronda a cidade.

Planetário do Ibirapuera
Fachada do Planetário do Ibirapuera

Além dessas atrações, o Ibirapuera abriga outros 3 museus: a Bienal de Artes de São Paulo, o Pavilhão das Culturas Brasileiras e o Museu de Arte Contemporânea (MAC USP).

Eventos

O Ibira se transforma em casa de vários eventos legais no decorrer do ano. Desde festivais de músicas repletos de brasilidade, exposições culturais, exposições de café, feiras de comidas até peças de teatro, espetáculos de dança, premiações e palestras no Auditório Ibirapuera. Não importa a época da visita, o parque sempre terá algum evento especial na agenda.

Explore São Paulo no precinho

Como chegar no Ibirapuera

O Ibirapuera está localizado no bairro Moema, na zona sul de São Paulo. A estação mais próxima do parque é a AACD-Servidor da linha 5-Lilás, que faz conexão com a linha 2-verde e 1-azul do metrô e a linha 9-esmeralda de trem. A linha azul é a mais antiga da cidade e faz conexão com todas as outras linhas do metrô. 

O portão 5 fica há 1km da estação AACD-Servidor, basta uma caminhada de 15 minutinhos para estar dentro do parque. Para se localizar lá dentro, basta usar o aplicativo do Mapa do Ibirapuera que está disponível para download no site do parque.

Funcionamento do Ibirapuera

Ainda que algumas atrações do parque sejam cobradas, toda a beleza do Ibirapuera pode ser apreciada de forma gratuita, já que a entrada não é cobrada e não é preciso realizar agendamento.

O horário de funcionamento é das 5 da manhã até meia-noite todos os dias, mas se a intenção é evitar mais pessoas, é melhor fugir dos horários antes das 10h e depois das 17h nos dias úteis, diferentemente do final de semana que o melhor é ir antes das 10h.

Há muito o que se fazer no parque. Não dá para negar que existe um tipo de Ibirapuera para cada pessoa e dificilmente será possível conhecer todo o parque de uma vez só. A única certeza é de que nenhuma visita ao Central Park brasileiro será em vão.

Depois desse tour pelo parque aposto que ficou com vontade de visitar o Ibirapuera e outros pontos turístico de São Paulo, certo? No site do Hurb temos diversas opções de pacotes, hotéis e experiências para viver Sampa e outros destinos queridinhos pelos viajantes brasileiros.

Alessandra Araújo

Alessandra Araújo

Analista de Performance no Hurb

Apreciadora de boa comida, música pop e literatura clássica, encontrou a felicidade quando o turismo se tornou sua profissão.

Posts relacionados
AventuraDestinosDestinos NacionaisSanta CatarinaSul

As atrações mais famosas do Beto Carrero World

AlagoasDestinosDestinos NacionaisEventosFamíliaNordesteO que fazerPraia

Réveillon em Maceió: descubra as atrações da festa no Alagoas

América do SulArgentinaArte e CulturaDestinosGastronomiaO que fazerUrbano

Caminito: o famoso caminho colorido de Buenos Aires

América do SulArgentinaArte e CulturaDestinosGastronomiaO que fazerRomântico

Show de tango em Buenos Aires: uma experiência marcante